Navegar por tag

gourmet

Salada Caprese com molho pesto

2 de agosto de 2016
11bbe430b4d8d2ca9f312eb44f06114f

Olá leitores, semana passada voltei de uma viagem maravilhosa pela Itália (quem me acompanha no Snap viu todos os detalhes – manu_touma), estou totalmente inspirada pela gastronomia e arquitetura do local. Hoje vocês vão aprender uma receita que me deliciei e também algumas inspirações de como servir e dar um charme todo especial para seu evento. Esta receita serve para uma entrada e você encontra fácil todos os ingredientes por aqui, confiram:

SALADA CAPRESE

Ingredientes

  • 2 tomates cortados em rodelas
  • 2 muçarelas de búfala cortadas em rodelas
  • 1 maço de manjericão
  • 100g de pinolis (opcional)
  • Pimenta-do-reino a gosto
  • Azeite a gosto

Modo de preparo

  1. Arrume as rodelas de muçarela de búfala sobre as de tomate.
  2. Macere as folhas de manjericão no pilão com um pouco de azeite e distribua sobre a salada.
  3. Tempere com sal e pimenta-do-reino.
  4. Decore com folhas inteiras de manjericão e, se desejar, acrescente também pinolis.

Receita: Receitas da Carolina GNT

246bdc4f6b25bbac11e979bcda97b3de

 

receitas-da-carolina-01-salada-caprese

 

MOLHO PESTO

Ingredientes

  • 50 gramas de manjericão fresco (folhas apenas)
  • 2 dentes de alho
  • 100 ml de azeite extra virgem de oliva
  • 6 colheres de sopa de queijo parmesão ralado (cerca de 70 gramas)
  • 2 colheres de sopa de queijo pecorino ralado (cerca de 30 gramas). Importante: se você não encontrar o queijo pecorino, você pode substituí-lo com mais queijo parmesão
  • 1 colher de sopa de pinoli (cerca de 30 gramas)

Modo de preparo

A receita original pede o uso de um socador para bater as folhas de manjericão, mas para facilitar as coisas te passamos a receita utilizando um liquidificador.

Para começar, é importante lavar as folhas de manjericão mas não com água e sim com um pano úmido. Este processo é muito importante para obter um excelente molho pesto, uma vez que as folhas de manjericão devem estar secas e não podem estar enrugadas. Coloque todos os ingredientes, menos o queijo, no liquidificador. Bata tudo lentamente até que a mistura vire um composto líquido e cremoso. Neste ponto, adicione o queijo e mexa bem até que tudo fique bem misturado. Mantenha o molho pesto na geladeira por durante 2-3 dias num recipiente hermético, tendo o cuidado de cobri-lo com uma camada de azeite extra virgem de oliva.

O pesto, além de ser um ótimo molho para massas e lasanhas, pode ser utilizado para preparar alguns pratos fritos mas também para acompanhar um prato de carne ou de peixe.

Dicas

Antes de prosseguir com a preparação do pesto, é melhor colocar as lâminas (de preferência de plástico) e a jarra do liquidificador na geladeira por algumas horas, para evitar que as folhas de manjericão estraguem quando você estiver batendo.
Pode-se também congelar o pesto em pequenos frascos e depois descongelar na geladeira ou em temperatura ambiente.

Receita: Pecado do Vinho

 

ca409496b4dfb6f0e5515b3db8400a60

 Fotos: Pinterest

Enjoy

Beijos

Manu

ACOMPANHAMENTOS PARA FEIJOADA

15 de julho de 2016
feijoada_1-2

Ontem aprendemos a receita de uma deliciosa feijoada para degustar junto à família e amigos, hoje vamos preparar os acompanhamentos que são essenciais para complementar todo o sabor deste prato tipicamente brasileiro.

Os acompanhamentos mais tradicionais são: torresmo, farofa, couve, laranja e vinagrete. Segue as algumas receitinhas que são super fáceis de fazer.

 

Vinagrete:

  • 1 cebola roxa;
  • 1 tomate grande;
  • 1 pimentão verde;
  • ½ xícara (chá) de azeite;
  • ½ xícara de vinagre branco;
  • Sal a gosto.

Preparo:

Pique os vegetais bem pequeninhos e misture todos os ingredientes em uma vasilha de vidro, tampe e leve à geladeira por pelo menos 8 horas. Sirva no dia seguinte.

 

receita-vinagrete-morango

foto mdemulher

 

Couve refogada:

  • 1 maço de couve manteiga já higienizado e seco;
  • 1 dente de alho;
  • 1/2 cebola pequena picada;
  • azeite para refogar.

Preparo:

Retire os talos das folhas e empilhe uma folha sobre a outra. Enrole as folhas, apertando bem, como se estivesse fazendo um charuto. Coloque o charuto de couve sobre uma tábua e corte, com uma faca afiada, em fatias bem fininhas. Em uma panela refogue em fogo baixo a cebola e o alho com o azeite. Em seguida misture a couve e mexa por uns 2 minutos. Está pronto.

Sirva também com arroz branco e laranja cortada em gomos.

 

600896-Receita-de-tutu-de-feijão-com-couve-e-torresmo-1

foto mundodastribos

 

Molho de pimenta

  • 2 xícaras de caldo do cozimento do feijão
  • 1/2 cebola picadinha
  • 1 tomate picadinho
  • 2 pimentas malagueta picadas ou 3 pimentas dedo de moça picadas
  • 1 colher (de sopa) de cebolinha picada

 

foto cinebistrot

foto cinebistrot

receitas Diário de Cozinha

 

 

Enjoy

Beijos

Manu

FEIJOADA

14 de julho de 2016
como-emagrecer-a-feijoada-na-mesa

Olá leitores, hoje preparamos a receita de uma deliciosa feijoada, a dica é do Chef Claudio.

INGREDIENTES

2 kg de feijão preto (escolher, deixar de molho de véspera)

4 paios (cortar em rodelas na diagonal)

800 kg costelinha de porco defumada (cortada em pedaços pequenos)

2 gomos de linguiça calabresa (cortar em rodelas)

200 gramas de calabresa fininha cortada em pedaços

200 gramas de bacon em pedaços

500 gramas de ponta de peito cortada em cubos

1 pé (opcional)

1 orelha (cortada em pedaços, opcional)

1 rabo (cortado em pedaços) opcional)

100 gramas de alho amassado

10 folhas de louro

½ xícara (chá) de óleo

 

 

desta

 

MODO DE PREPARO

Coloque em uma panela grande todas as carnes defumadas: linguiça, paio, linguicinha, bacon, e de uma fervura, despreze a água e reserve. Em separado, de uma fervura nas costelinhas, desprezando também a água e reservando separado. Os pés, rabo e orelhas dessalgar por 24 horas antes de utilizar, faça isso mantendo-os na geladeira e trocando a água por 4 x, de uma ligeira fervura em água com um pouco de vinagre, escorra e reserve. Em uma panela bem grande, frite o alho no óleo, junte o louro, em seguida coloque as linguiças e o bacon, acrescente o feijão que estava de molho, mas ainda cru, coloque o pé e a ponta de peito, cubra tudo com água e deixe cozinhar em fogo baixo até que o feijão esteja cozido e macio, acrescente a orelha, o rabo e cozinhe por mais um tempo, finalmente coloque as costelinhas, cozinhando por mais ou menos 30 minutos apenas, desligue o fogo e deixe repousar por algumas horas, somente então acerte o sal, antes de servir ferva por mais uns 20 minutos.

Dicas:

A medida que for cozinhando junte sempre água fria e aos poucos, isso ajuda o caldo ficar mais grosso. Não utilize panela de pressão, cozinhando lentamente agrega mais sabor e qualidade a feijoada.

Gosto de preparar na véspera a noite, e deixo-a tomando mais sabor de um dia para o outro.

 

Cozinha do Claudio

cozinhadoclaudio@gmail.com

(43) 3324-1569 / 9958-6507

Aniverssário com Feijoada

11 de julho de 2016
destaque

Estamos na melhor época do ano para comer uma fumegante feijoada. Esta semana aqui no site, vamos dedicar vários posts sobre este prato tipicamente brasileiro e, hoje, vou mostrar para vocês o décor que minha amiga Renata Canella preparou para comemorar o seu aniversário de 40 anos, servindo uma deliciosa feijoada.

O almoço foi no salão de festa de seu condomínio e ela reuniu a família e amigos para um dia delicioso, alto astral, brindando os convidados com detalhes cheios de charme e criatividade.

Confiram:

 

IMG-20160705-WA0070

 

IMG-20160705-WA0073

 

IMG-20160705-WA0074

 

IMG-20160705-WA0099

 

IMG-20160705-WA0097

 

IMG-20160705-WA0095

 

IMG-20160705-WA0093

 

IMG-20160705-WA0094

 

IMG-20160705-WA0096

 

IMG-20160705-WA0101

 

IMG-20160705-WA0060

 

IMG-20160705-WA0059

 

IMG-20160705-WA0065

 

IMG-20160705-WA0061

 

IMG-20160705-WA0062

 

IMG-20160705-WA0063

 

IMG-20160705-WA0064

 

IMG-20160705-WA0066

 

IMG-20160705-WA0067

 

IMG-20160705-WA0068

 

IMG-20160705-WA0069

 

IMG-20160705-WA0075

 

IMG-20160705-WA0076

 

Enjoy

Beijos

Manu

Um casamento cheio de detalhes

4 de julho de 2016
destaque

Saber Receber Com Charme, montar uma mesa bem posta, organizar uma bela recepção são atividades que se pode aprender e aprimorar com o tempo, mas existem pessoas que nascem com um talento especial, um verdadeiro dom dado por Deus!

Hoje eu tenho o prazer de apresentar aqui no Site o trabalho de um grande amigo, que foi abençoado por Deus com o talento Natural de tornar qualquer recepção, desde um pequeno Brunch a mais sofisticada noite de Gala em um evento único e memorável!

Glamour e sofisticação, são a marca registrada das festas assinadas por Marcelo Franchello, que atende uma seleta e exclusiva lista de clientes em todo Brasil.

No post de hoje, toda a belza do casamento de Júlia Hamuche e Maurício Bochnakian, que primou pela elegância das tradições das famílias dos noivos de ascendência Árabe.

O casamento religioso aconteceu na belíssima Catedral Ortodoxa, e a noiva Júlia, lindíssima a bordo de um Zuhair Murad, adentrar a nave ao som de um coral composto por 40 vozes e 30 instrumentos. A recepção  para 900 convidados aconteceu no Buffet França, ricamente decorado com placas em material italiano no grafite e cones que suportavam milhares de orquídeas Wanda.

No menu, camarões, vitela, pato e massas, 6.000 docinhos Isabela Suplicy e Patti Pavi e os tradicionais bem casados de Conceição Bem Casados.

Para animar a festa, não poderia faltar a Banda Árabe Samir Toukera, seguida da Samis Band, que comandou a pista por 3 horas para anteceder os shows de Jorge Argão e MC Leozinho.

Uma festa linda e impecável, como tudo o que leva a assinatura do querido amigo, Marcelo Franchello.

 

IMG-20160614-WA0026

 

IMG-20160614-WA0022

 

IMG-20160614-WA0023

 

IMG-20160614-WA0024

 

IMG-20160614-WA0038

 

IMG-20160614-WA0029

 

IMG-20160614-WA0039

 

IMG-20160614-WA0027

 

IMG-20160614-WA0028

 

IMG-20160614-WA0036

 

IMG-20160614-WA0040

 

IMG-20160614-WA0041

 

 

Ficha Técnica

Flores – Carlos Flores

Móveis – 100% Eventos

Som – MB pro Audio

Doces – Isabella Suplicy / Patti Pavi

Bolo – Isabella Suplicy

Buffet – França

Iluminação – Ambiente dightning

Coordenação – Marcelo Franchello

 

RECEITA DE QUENTÃO

23 de junho de 2016
Vinícola-do-Méliuz-receitas-de-quentão-de-vinho

O quentão é uma bebida típica de festa Junina,  uma bebida quentinha e deliciosa. Algo que não pode faltar em sua festa!

Modo de preparo Preparo: 5mins

Cozimento: 20mins

Pronto em: 25mins

  1. Leve o açúcar e a água ao fogo numa panela grande em fogo médio até o açúcar dissolver.
  2. Junte o gengibre, os limões, a laranja, a canela e o cravo e deixe ferver.
  3. Retire do fogo, acrescente a pinga e volte a panela ao fogo. …
  4. Sirva quente.

Kir Royale – O drink perfeito para o dia dos namorados

10 de junho de 2016
destaque

Hoje vamos apresentar o Kir Royale um drink maravilhoso e com a cor da paixão. Perfeito para ser servido no dia dos namorados.

História do Drink: Kir Royale

Muitos drinks têm histórias fascinantes, e este é um deles, Felix Kir foi um padre francês e considerado herói na Segunda Guerra mundial, lutou ao lado da resistência Francesa durante a guerra e depois se tornou prefeito da cidade de Dijon durante 23 anos até sua morte, em 1968.

Kir criou a bebida originalmente chamada de Blanc-Cassis que servia para valorizar 2 produtos locais que sustentavam a pequena economia da região, o Vinho Branco local, feito da uva Aligoté, e o cremè de Cassis, feito da fruta. Este drink era servido em jantares com delegações estrangeiras e comitivas políticas.

O drink se tornou conhecida e passou a ser chamado de Kir pelas pessoas que a pediam por bares pelo mundo todo, com o tempo o vinho foi substituído por Champagne e o cremè por Licor de Cassis, e foi adicionado uma cereja, se tornando uma bebida leve e ganhando status de sofisticado e sendo apreciado pela realeza da época, e foi renomeado de Kir Royale como é conhecido hoje.

 

1

Ingredientes

  • Champagne gelada ou vinho espumante
  • Crème de cassis ou groselha, cerca de 10 ml para 90-95 ml de champagne
  • Frutas vermelhas para enfeitar

Modo de preparo

  1. Coloque a groselha ou o crème de cassis em taças de champagne.
  2. Cubra com champagne ou espumante gelada.
  3. Enfeite com frutas vermelhas frescas e sirva imediatamente.

 

Popsicles-au-Crémant-dAlsace

 

História retirada do site Armazém Paulista

Receita via Laylita

Fondue – A receita perfeita para uma noite romântica

9 de junho de 2016
fondue-de-chocolate1

Hum…que delícia!!! Tem prato mais apropriado para um jantar romântico em clima de Dia dos Namorados?!

Hoje no Receber Com Charme, duas receitas especiais para você surpreender o seu love nesta data tão especial.

FONDUE DE QUEIJO

Ingredientes

  • 1 lata de creme de leite

  • 1 copo de requeijão
  • 200g de queijo “mozzarella” ralado

  • 200g de queijo provolone ralado

  • 200g de queijo gorgonzola picado

Modo de Preparo

  1. Em uma panela aqueça em fogo médio o creme de leite com o requeijão até começar a borbulhar.
  2. Adicione o queijo gorgonzola, abaixe um pouco o fogo e mexa até o gorgonzola incorporar bem a mistura.
  3. Acrescente o queijo “mozzarella” e depois o provolone. Continue mexendo até que todos os queijos tenham derretido por completo, ficando uma mistura homogênea.
  4. Transfira então para a panela de founde.

Acompanhamentos:

Pães, torradinhas, presunto cortado em tirinha, salame, linguiça fina frita, polenguinho, pedacinhos de legumes, pedacinhos de frango, entre outras coisas.

 

5fd12c30efcb94b318550182d5448c9d

 

FOUNDUE DE CHOCOLATE

Ingredientes

  • 300g de chocolate meio amargo
  • 150g de chocolate ao leite
  • 50 ml de leite

Modo de Preparo

Em uma panela em banho-maria disponha os ingredientes até formar uma massa homogênea. Coloque a massa em uma panela própria para fondue e encaixe no rechaud para manter aquecido.

Acompanhamentos
Frutas da estação, marshmallow, quadradinhos de brownie, farofa crocante e wafer.
765d36373be6ae469f9cc47faf358491
*Receita GSHOW
Enjoy
Beijos
Manu

Decor para o Dia dos Namorados

8 de junho de 2016
destaque

No Brasil, comemora-se o Dia dos Namorados em Junho, mas no resto do mundo o Valentine’s Day é comemorado no dia 14 de fevereiro.

Este ano preparei um jantar à luz de velas para meu marido e amigos, e juntos comemoramos nosso Valentine’s Day.

Produzi mini arranjos com cravos e rosas vermelhas, dispostas em vasinhos de prata e cristal, castiçais também em prata com velas altas deram glamour a mesa, taças e sousplats vermelhos arremataram a produção da mesa para 24 convidados.

Na mesa buffet, usei no decor lindas topiárias de maçãs by Puppy Zogaib, da empresa Raízes, que sempre me surpreende com suas criações incríveis!

Como suporte, esculturas italianas fizeram as vezes de vasos e os castiçais com velas altas, trouxeram o clima de romantismo a produção.

Confira e inspire-se!

 

CRPK5853

 

IMG_5337

 

IMG_5339

 

IMG_5405

 

IMG_5446

 

IMG_5458

 

OYIK9147

 

Enjoy

Beijos

Manu

 

ITÁLIA, PÁTRIA DO LIMONCELLO

27 de maio de 2016
DESTAQUE

Hoje o nosso Post fala sobre uma das bebidas mais típicas da Itália o Limoncelo, e o nosso sommelier Willian traz uma entrevista muito interessante com Alessandro Saba, produtos italiano de Limocello. Confira!

A Itália, país de tantos encantos, terra de vinhos inesquecíveis e de uma gastronomia ímpar.  Quando pensamos na Itália essas e outras coisas nos vem à mente. Aromas e sabores são partes integrantes do cotidiano nacional e dentro desta gama de possibilidades, uma bebida milenar, muito difundida na região do golfo de Nápoles, na Costa Amalfitana e nas ilhas de Ischia e Capri, vem ganhando destaque nos últimas décadas. Graças a grandes empresas fabricantes de bebidas, o Limoncello que até uns 30 anos atrás era apenas um digestivo produzido artesanalmente pelas matriarcas italianas, deixou esse status para se tornar uma constante nos bares e principalmente nos restaurantes italianos.

E para falar deste licor, nada melhor do que conversar com quem o conhece muito bem. O Chefe e proprietário do Restaurante Vittorio Emanuele II, Alessandro Saba, italiano radicado no Brasil, além de conhecer muito bem este licor, é produtor de Limoncello em solo tupiniquim.  Assim, em um final de tarde bem agradável, Saba me recebeu em seu restaurante para descontraidamente falarmos desta bebida.

Relatou que desde cedo aprendeu com seu avó a fabricar artesanalmente o Limoncello e anos mais tarde, a frente do seu restaurante na cidade de Londrina, começou a produzir o licor em pequena escala, como forma de agraciar os clientes no final da refeição. E o que era apenas um regalo, foi ganhando outra dimensão e no último ano abriu um empresa para fabricação em escala industrial. Relata que ainda está nos primeiros passos, produzindo uma média de 200 garrafas mensais e logo estará fornecendo para outros Estados.

 

001

Para ter sucesso na sua empreitada, manteve o alicerce de sua receita tradicional aliado ao cuidado na preparação. A embalagem não poderia destoar do conteúdo. A garrafa de vidro produzida na Itália, tem um design único e elegante. Saba diz que a espessura do vidro ajuda a manter o liquido intacto em temperatura negativa (essa uma das melhores forma de servi-lo).

Um preparo aparentemente simples feito de casca de limão fermentada, álcool de cereais e açúcar se torna um saboroso licor, mas não se enganem. Já provei alguns exemplares Made in Itália e não encontrei os mesmos atributos sensoriais que o Limoncello do Chefe Alessandro Saba. Sua textura mais densa o torna muito agradável. A acidez corretamente equilibrada com o açúcar ressalta um frescor atrativo e persistente, sem contar com os cítricos que nos faz desejar o próximo gole.

 

IMG-20160512-WA0017

Salve a Itália. Um brinde ao Limoncello.

William Máximo

Sommelier